3 minutos leitura

A “Linha Criança” da Provedoria de Justiça recebeu desde o início do ano mais de 400 chamadas telefónicas com denuncias de problemas relacionados com risco ou perigo para crianças e jovens e ainda pedidos de aconselhamento.